Se antigamente a visão acerca das sequelas reversíveis do AVC (Acidente Vascular Cerebral) era extremamente fatalista, atualmente temos uma outra perspectiva referente ao tema.

O avanço da tecnologia e da medicina permitiu o desenvolvimento de tratamentos mais eficazes, os quais abrem portas para uma nova realidade a pacientes vítimas do AVC.

Nesse contexto, é comum que familiares e vítimas do AVC se questionem sobre as chances de melhoria, bem como quais sequelas reversíveis do AVC. Sendo assim, levantaremos a seguir as consequências mais comuns e reversíveis da doença, acompanhe!


Para você que acabou de chegar no site por este artigo, quero que você saiba que a Clínica Prosense, é uma referência nacional em reabilitação de lesões e problemas neurológicos. A equipe multidisciplinar, altamente especializada, e com recursos tecnológicos e instrumental propício para aceleração da sua independência e reabilitação.  Seja bem vindo e boa leitura!


Comprometimento dos movimentos e sensibilidade

É comum que os movimentos e a sensibilidade da pessoa acometida por um AVC sejam comprometidos. No entanto, estas são reversíveis e a recuperação dos movimentos poderá se tornar concreta.

Basta que o tratamento adequado a cada paciente seja adotado, com a ajuda de uma equipe de saúde atenta e com profissionais bem qualificados. Um tratamento que tem obtido resultados interessantes na recuperação destas sequelas é a Estimulação Elétrica Periférica, por exemplo.

Déficit de memória

Outro tipo recorrente de consequência oriunda do AVC é o déficit de memória. A estimulação da memória, aliados a demais tratamentos neurológicos contribuem para reverter ou minimizar este quadro. Um exemplo desse tipo de estímulo seria a inserção de objetos comuns na rotina da pessoa e/ou na sua área de atuação.

Espasticidade muscular

Com a ajuda do Tratamento Neuroevolutivo (Método Bobath) disfunções neurológicas como a espasticidade muscular podem ser controladas.

Em conjunto com demais recursos e métodos de tratamentos é possível, inclusive, reverter esta condição. Assim, é possível devolver ao indivíduo o seu bem-estar e proporcionar melhor qualidade de vida.

Depressão e estresse pós-AVC

Duas das consequências menos abordadas quando se fala em AVC são a depressão e o estresse. Estes problemas são característicos de pessoas que tiveram o hemisfério esquerdo do cérebro acometido por algum tipo de lesão.

Assim como as sequelas citadas nos tópicos acima, é possível diminuir seu impacto e recuperar os pacientes. Mas atenção, tais resultados só podem ser obtidos desde que seja estabelecido um programa de metas e tratamento individualizado, como o que fazemos aqui na Prosense.

Venha conhecer de perto nosso método e filosofia de trabalho e veja como iremos te ajudar com nossa reabilitação pós-AVC.

Agende sua avaliação ou ligue para gente!