Entenda as diferenças de AVC isquêmico e AVC hemorrágico

O AVC – Acidente Vascular Cerebral – é uma grave condição médica que ocorre quando há um entupimento ou rompimento dos vasos responsáveis por levarem o sangue ao cérebro. Consequentemente, a região afetada sofre uma paralisia.

AVC: Por que ocorre a paralisia do cérebro?

A paralisia ocorre porque para o cérebro funcionar adequadamente, ele precisa de oxigênio e determinados nutrientes que derivam do sangue. Sendo assim, quando há o rompimento do fluxo sanguíneo as células do cérebro se degeneram, gerando diversos prejuízos cerebrais, podendo também ocasionar a morte do indivíduo.

No Brasil, o Acidente Vascular Cerebral é a principal causa de morte por incapacidade – são 130 mil pessoas que morrem vítimas do derrame e até 2030 há possibilidade do número aumentar para 7,8 milhões de pessoas. Dessa forma, nota-se a necessidade de um tratamento imediato para a doença.

Existem dois tipos de AVC: o AVC hemorrágico e o AVC isquêmico. A seguir, entenda a diferença entre eles, as causas, os sintomas e o tratamento.

AVC hemorrágico

O AVC hemorrágico é o tipo menos comum de ocorrer, no entanto, não deixa de ser grave. A ocorrência surge por conta da ruptura de um vaso sanguíneo que está localizado dentro do crânio do indivíduo, gerando uma inflamação na área afetada, pois o sangue entra em contato com o tecido cerebral nervoso. Essa inflamação causa danos a função do cérebro.

AVC hemorrágico: causas

A principal causa do AVC hemorrágico é a hipertensão arterial e os principais fatores que aumentam a pressão arterial são:

– Estresse;

– Obesidade (excesso de peso);

– Ingestão de álcool de maneira exagerada;

– Não praticar atividades físicas;

– Fumar.

AVC hemorrágico: sintomas

Os principais sintomas são:

– Dormência das mãos, pés e rosto;

– Paralisia súbita de um dos lados do corpo;

– Dor de cabeça muito forte;

– Perda parcial ou total da visão;

– Dificuldade para falar e compreender;

– Perda de equilíbrio, tontura e dificuldade súbita de andar.

AVC isquêmico

O AVC isquêmico é o tipo mais comum e ocorre devido ao fato da ausência de fluxo sanguíneo para o cérebro. Ao ocorrer esse acidente, não há morte do tecido cerebral, porém a falta de suprimento sanguíneo degenera a região de forma rápida.

AVC isquêmico: causas

As principais causas do AVC isquêmico são:

– Hipertensão arterial;

– Uso em demasia de bebidas alcoólicas;

– Diabetes;

– Alto nível de colesterol;

– Obesidade;

– Fumar.

AVC isquêmico: sintomas

Os sintomas do AVC isquêmico são:

– Boca torta;

– Dificuldade para engolir;

– Dores de cabeça muito fortes;

– Dificuldade para falar e compreender;

– Tonturas;

– Perda de força de um dos lados do corpo;

– Alteração visual.

Tratamento

Para tratar o AVC hemorrágico, os médicos controlam o sangramento que há dentro do cérebro do paciente, diminuindo a pressão praticada sobre o mesmo.

O tratamento para o AVC isquêmico consiste em restaurar de maneira rápida o fluxo sanguíneo para o cérebro do indivíduo.

Os profissionais que fazem parte da Prosense são referência no tratamento de Acidentes Vasculares Cerebrais.  Entre em contato conosco e conheça os nossos métodos de tratamento. Temos técnicas adequadas a cada situação específica de nossos pacientes, venha comprovar!