Durante a recuperação após o AVC, é importante participar da reabilitação regularmente. Também é uma boa ideia combinar várias terapias para maximizar os resultados da recuperação, e é isso que queremos na clínica ProSense. Um exemplo de terapia é a prática mental.

O que é prática mental?

A prática mental envolve visualizar-se performando algo no qual deseja melhorar. Por exemplo, se você teve um AVC e deseja voltar a dirigir, você pode ajudar a estimular a recuperação das funções relacionadas à direção, praticando mentalmente a direção. Você pode visualizar segurando o volante com as mãos, girando o volante com os braços e empurrando os pedais do acelerador e do freio com o pé.

Existem duas maneiras de usar a prática mental: com imagens internas e externas. Primeiro, você pode visualizar uma tarefa internamente da perspectiva da primeira pessoa, onde você está em seu corpo e visualizando o mundo. Em segundo lugar, você pode visualizar externamente a partir da perspectiva da terceira pessoa, onde você está fora do seu corpo, olhando para si mesmo. Pode ser uma boa ideia tentar os dois tipos de prática mental para fornecer diferentes tipos de estimulação ao cérebro.

 

Como a prática mental ajuda na reabilitação?

As evidências mostram que a prática mental provoca mudanças nas áreas do cérebro relacionadas ao movimento, como as áreas motoras e pré-motoras, especialmente quando usadas com outras técnicas de reabilitação, como por exemplo a realidade virtual que temos na clínica ProSense. Este é um benefício importante para indivíduos pós AVC e outras pessoas que desejam desenvolver ou renovar suas habilidades motoras.

Quando um AVC danifica parte do cérebro, também danifica as vias neurais nessa área. Quando as áreas que controlam o movimento são danificadas, por exemplo, o movimento pode ser prejudicado. Por meio da reabilitação, o cérebro pode se reconectar para reconstruir e fortalecer novas vias neurais que controlam várias funções, como o movimento.

Isso é possível graças à neuroplasticidade: o mecanismo que o cérebro usa para criar e fortalecer as vias neurais. Isso ocorre com base na experiência. As tarefas que você repete regularmente têm vias neurais mais fortes do que as tarefas que você não pratica com frequência.

Seu cérebro está constantemente se adaptando aos pensamentos e atividades que você pratica regularmente. A reabilitação após o AVC baseia-se neste princípio, encorajando os indivíduos a praticar exercícios terapêuticos para estimular o cérebro a se reconectar.

Enquanto a prática física ajuda a ativar a neuroplasticidade, a prática mental também ajuda a envolver o cérebro e desencadear o processo de religação.

Mas como fazer prática mental?

Agende uma avaliação aqui na ProSense e faremos toda a prática com você, caso essa seja uma terapia indicada no seu caso!

Depoimento – Recuperação pós-AVC de tronco e cerebelo. ASSISTA!